quinta-feira, 18 de outubro de 2012

E se amanhã tudo se desfizer, saberemos que nos tocamos e espero que, perante o fim, sejamos capazes de nos sentir gratos pelo que tivemos e que é bastante mais do que a maioria das pessoas alguma vez chega a ter!