quarta-feira, 13 de março de 2013


“É engraçado porque, todas vezes que ele me faz sorrir ou rir, eu sinto uma vontade incontrolável de lhe explicar o quanto eu o amo.”